quarta-feira, 5 de agosto de 2015

Manhãs

"  Acordou com a luz do sol a bater-lhe forte nos olhos, fazendo com que sentisse as pálpebras a aquecer enquanto dava por uma respiração forte no pescoço. Sentia-se confortável, com um braço leve e elegante envolvendo-lhe a cintura e uma pressão suave desde o centro até ao fundo das costas.
  Manteve-se imóvel durante mais alguns instantes. Gostava de se sentir assim, calmo, antes de começar a agitação de um novo dia: quando era obrigado a fechar os olhos por conta do sol, apurando os próprios sentidos enquanto deixava a mão esquerda deslizar pela cama até alcançar Eva. Depois virava-se de frente para ela, apenas para a encontrar de olhos fechados, mergulhada bem fundo em sonhos que lhe iam rasgando um sorriso angelical no rosto."

Um primeiro, muito curto excerto do segundo livro. Parece que tem demorado, pois não tenho publicado nada, mas garanto-vos que está a andar! :) espero que gostem

1 comentário:

  1. Se são os dois que estou a pensar, fico feliz por terem ficado juntos!

    ResponderEliminar